Fazendo a Adele com a comida: Hello

E tudo que faço é pensar na comida, rs

Se você vive no planeta Terra, com certeza ouviu um pedacinho da música “Hello” da Adele. A letra fala sobre a saudade do ex, sobre uma possível reaproximação…

Essa semana, fazendo uma licença poética, peguei o telefone – no melhor estilo loiro londrinho – e liguei para o pão quentinho, para a manteiga fresca, para a macarronada com queijo e para o sorvete com chantili e farofa. A intenção? Fazer as pazes com a comida, perguntar como elas estavam e contar que eu era feliz e não sabia… Hahahahahahaha (pessoa com três parafusos a menos…). Continuar lendo


O jogo da maternidade

Maternidade é aquele jogo que quando menos a gente percebe, está voltando duas casas…

A gestação é a abertura do tabuleiro, o nascimento: o lançar dos dados. O maior número dá direito ao início do jogo.

A primeira casa é a fralda, a segunda, o leite, a terceira o banho, e a quarta é o “faça tudo de novo”. Como em todo jogo, tem hora que é divertido, tem hora que é tenso e tem horas que você cai no “volte duas casas”. Continuar lendo


Se você está acima do peso, você é um perdedor

Pega sua xícara de café com sucralose e senta um cadinho. Vamos falar de nossa frustração com o corpinho que Deus nos deu e que a gente desconjura? Do lance de estar acima do peso?

Não vou inventar a roda se disser que o padrão Instagram de magreza + “saradeza” + pele sempre queimada de sol = óbito da autoestima, né? É muita gente comendo certo, malhando para caramba e esfregando na cara que a magreza torna o ser livre. Já viu aquelas fotos onde as pessoas pulam no ar com biquíni branco? E aquelas onde o óculos espelhado revela a uma bunda perfeita sem celulite? Continuar lendo


Administração de medicamentos nas escolas

Entenda as regras da administração de medicamentos no período escolar

Se o filhote está indo para a escola, saiba que, além dos tradicionais atestados para a prática de educação física e natação, é necessário encaminhar para a instituição uma prescrição médica.

O lance de ligar para os pais e perguntar se pode dar algo para febre, por exemplo, é considerado automedicação pela Vigilância Sanitária . Por isso, é preciso entregar uma prescrição médica para a administração de medicamentos na escola. Isso inclui: quantidade e tipo de medicamento para casos de dor, febre, cólicas e vômito. Continuar lendo


Maternidade: Desculpa mundo por eu não ser a mãe que você deseja

Esses dias vi algumas mães indignadas com um texto postado por um jornalista, que para meu espanto é premiado – o que prova que em matéria de educação todo mundo está enganado .

O moço, maior de idade, fez um mimimi lazarento sobre um garotinho que não o cumprimentou com um beijo. O texto é infeliz em muitos aspectos Continuar lendo


Dica para organizar a vida financeira

Testei vários aplicativos e sites para organizar minhas contas e o que mais gostei/adaptei é o gratuito Minhas Economias.

A carga de dados é manual, mas depois que acostuma, fica fácil entender as informações. Além disso, dá para acrescentar despesas recorrentes e avisos de pagamentos de contas (“alá” coisas que ajudam o cérebro, rs). Continuar lendo


Dica rápida para economizar no material escolar

Consegui comprar os livros de Joaquim com 10% de desconto + frete grátis na Americanas.com

As dicas:

  • Faça a busca pelo código de barras do livro
  • Confira as informações básicas
  • Veja o prazo de entrega – tem que coincidir com início das aulas.
  • Compre tudo num lugar só para não ficar doida com a logística!

 

Nessa brincadeira, economizei mais de R$ 150,00. Vale a pena!!!


Natal: Peru com hipoglós

O Natal da mãe moderna

Mãe que é mãe corta peru pro filho, pro vizinho, pro marido, pra biza, pra vó, corta a cortina, a vela e o enfeite de mesa. Pronto, tá tudo picado, rs.

Aí, quando senta “pá cumê” com a tendinite bombando, resolve cortar as coisas com o dente mesmo, mais fácil e mais rápido. E nesse momento, dois eventos constantes durante o ano ressurgem: o dente trincado e o refluxo. Continuar lendo


Infância: O menino de uma calça só

Manias que ficam marcadas na infância…

O menino de uma calça só foi parido pela menina que não usava sapatos. Ou seja, nem consigo brigar com Joaquim porque não tenho moral.

Outro dia, andando com a eleita que ganhou quando tinha uns dois anos – e pasme: ele tem 6 e ainda serve…  Escutou um cochicho entre o comitê conceptivo (eu e o pai)… Continuar lendo


Criança na cozinha: o caminho certo contra a obesidade infantil

Comida, cozinha e obesidade infantil

Conversei com a Malu Petty, nutricionista e autora do livro “Lugar de Criança é na cozinha” sobre obesidade infantil, apoio dos pais, falta de autoestima e ditatura do corpo perfeito. O resultado do papo está nas linhas abaixo. Vamos?

1) O que é obesidade infantil?

A obesidade infantil é um quadro em que a relação peso para estatura está acima do esperado para a idade. Continuar lendo


É natal! Enfeite de porta com lata de atum

O enfeite de porta feito na calada da noite

Falando a verdade, nada mais que a verdade, eu fiquei com preguiça de comprar enfeite de natal para a porta, inclusive, até o momento, nem a árvore eu montei. Digamos que a agenda da residência está em total dissintonia com o bom velhinho, rs.  Continuar lendo


O verão, a praia e o piriri

Quando o piriri ataca “as criança tudo”

Já contei pra vocês que sou uma cidadã Guarujaense? Que sou nascida e criada na praia de Pintangueiras na pérola do Atlântico?

Lá passei meu primeiro vidro de urucum curtido no óleo, de leite no cabelo para clarear, desfilei biquíni enroladinho nas cores roxo e verde limão – pura moda nos anos 80 Continuar lendo


Meu filho é mal educado?

É mal educado ou é uma reação exagerada?

Há dias em que sentamos no meio-fio do desespero para refletir – e chorar baixinho – sobre a educação das “kiança tudo”.

A nossa tentativa de fazer o filho dar certo é tão grande e tão cheia de cobranças, que a educação, algo que deveria ser natural, virou um projeto mal acabado dos tempos modernos gerenciado por aqueles que são iguais aos pais. Continuar lendo