InícioGravidezCom quantos meses de gravidez a barriga começa a aparecer?

Com quantos meses de gravidez a barriga começa a aparecer?

-

Você está nas primeiras semanas de gestação e não vê a hora de exibir uma bela barriga de grávida? Sua principal dúvida deve ser: quando a barriga começa a aparecer?

Provavelmente, assim que o teste de gravedez deu positivo e você contou a novidade para as pessoas mais próximas, todos começaram a acariciar a sua barriga. 

E você certamente faz o mesmo, mas a ansiedade de sentir o seu bebê crescendo já começou a surgir junto com todas as inseguranças das futuras mães.

Mas, além da vontade de se sentir realmente grávida com o crescimento da barriga, há a preocupação com as mudanças no seu corpo e os incômodos que elas podem gerar. 

Neste momento, muitas perguntas vêm à mente: Será que está tudo bem com o bebê? Será que ele está crescendo no ritmo certo? Será que quanto mais a barriga crescer maior será o bebê? E, afinal de contas, quando a barriga começa a aparecer?

Nos próximos tópicos deste artigo vamos falar exatamente desse assunto, o crescimento da barriga das gestantes. 

Nosso propósito é tirar suas principais dúvidas sobre o assunto e te ajudar a se sentir mais segura e preparada para essa fase tão marcante da sua vida.

E já vamos começar respondendo à sua principal dúvida: normalmente, quando a barriga começa a aparecer?

Quando a barriga começa a aparecer?

Para começar, é preciso dizer que o crescimento da barriga da gestante varia de acordo com o organismo, o biotipo e os hábitos de cada mulher.

Então, é claro que vamos falar sobre o momento em que geralmente a barriga começa a aparecer, mas saiba que isso pode variar e não se preocupe se você não se enquadrar nessa média. 

Dito isto, podemos dizer agora que, em média, a barriga de grávida começa a aparecer a partir do segundo trimestre de gestação, entre a 16ª e a 20ª semana.

Isso significa que as pessoas provavelmente vão começar a notar a sua barriga entre o quarto e o quinto mês de gravidez. 

Mas isso também pode acontecer um pouco antes ou um pouco depois, pois, como dissemos anteriormente, vai depender especificamente da sua estrutura corporal. 

Por exemplo, em mulheres que já estiveram grávidas anteriormente, é natural que a barriga comece a aparecer um pouco antes dessa previsão, por volta da 12ª semana.

Isso acontece porque as musculaturas uterina e pélvica se distendem com mais facilidade depois de terem se tornado mais flácidas em uma primeira gravidez. 

- Continua Depois da Publicidade -

Mesmo havendo variações, a partir do momento que a barriga começa a aparecer tudo passa muito rápido e o crescimento é cada vez maior, atingindo seu auge no oitavo mês. 

Muitas grávidas se preocupam com uma suposta diminuição da barriga no último mês de gestação. Mas isso é completamente natural.

A barriga atinge a altura máxima normalmente no oitavo mês, pois no nono acontece a descida e o encaixe do bebê na pelve da mãe.  

Então, essa diminuição da barriga no nono mês de gestação nada mais é do que a preparação para o nascimento do bebê. 

Nesse meio tempo entre o momento em que a barriga começa a aparecer e a preparação final para o nascimento do bebê, muitas variações no crescimento da barriga podem ocorrer. 

Algumas futuras mamães vão logo exibir um barrigão enquanto outras podem ter uma barriga um pouco menor. Isso não necessariamente tem a ver com o desenvolvimento do bebê. 

Vamos ver em seguida como o seu biotipo pode afetar o tamanho da sua barriga. 

Tamanho da barriga X biotipo

Como dissemos anteriormente, não há um padrão para o crescimento da barriga de grávida e o biotipo pode influenciar muito no momento em que a barriga começa a aparecer. 

Por exemplo, as mulheres com o biotipo magro geralmente podem exibir sua barriga um pouco mais cedo do que as que apresentam algum nível de obesidade.

Isso ocorre porque a mulher magra tem pouca gordura e musculatura abdominal, ou seja, qualquer saliência se torna mais evidente.

Já nas mulheres obesas, a gordura abdominal acumulada ajuda a disfarçar o crescimento da barriga.

Um processo parecido acontece com mulheres que têm os quadris largos: como em seu corpo há mais espaço para a distensão do útero, a barriga pode demorar mais para aparecer ou ficar menor se comparada à de outras gestantes com os quadris mais estreitos. 

É por essas e outras razões que não podemos afirmar que uma barriga aparentemente maior está acomodando um bebê maior. Vamos falar disso mais adiante.

Existem outros fatores que podem influenciar no tamanho da barriga e no momento em que ela começa a aparecer.

Se a gestante tem como costume a prática de atividades físicas, por exemplo, sua barriga pode demorar mais para ser notada.

- Continua Depois da Publicidade -

A prática de esportes deixa a musculatura da barriga tonificada e definida e isso pode atrasar a distensão do útero, o que não representa nenhum problema. 

Outro fator físico que pode influenciar no aparecimento da barriga é a posição do útero. Se ele se posicionar com uma leve inclinação para frente, as pessoas  notarão a gravidez mais precocemente. Mas se o útero se posicionar levemente para trás, a barriga de grávida pode demorar um pouco mais para aparecer.

Enfim, é muito importante levar em consideração todas essas variáveis antes de fazer comparações entre a sua barriga e as barrigas de outras mulheres grávidas.

Cada mulher tem biotipo, organismo e hábitos diferentes. Portanto, é natural que exibam diferentes tamanhos e formatos de barriga tendo o mesmo tempo de gestação. 

Inchaço ou barriga de grávida?

À medida que o bebê cresce, o útero precisa se expandir para acomodá-lo. É por isso que ele se projeta para a frente e se descola do osso pélvico.

O osso pélvico fica logo abaixo do umbigo e é essa parte da região abdominal a primeira a ter o volume aumentado. 

Muitas gestantes relatam a sensação de endurecimento dessa região e de um leve inchaço antes mesmo do período em que a barriga começa a crescer. 

Esse inchaço não pode se notável externamente e tem mais a ver com a sensação do que com a aparência. Por isso, somente a gestante costuma percebê-lo. 

Ele acontece a partir da 8ª semana de gestação e ainda não é classificado como um início do crescimento da barriga de grávida.  

Nessa fase, o feto ainda é muito pequeno, pesa aproximadamente dois gramas e tem o tamanho de uma uva. 

Sendo assim, o inchaço relatado nesse período tem mais a ver com a ação hormonal, além dos gases e prisão de ventre.

Todos esses sintomas são típicos do início de uma gravidez e demonstram que o corpo da mulher está se preparando para uma nova fase.

O tamanho da barriga interfere no crescimento do bebe?

Uma barriga maior não necessariamente está acomodando um bebê grande. Assim como uma barriga menos saliente não necessariamente carrega um bebê pequeno. 

Como vimos, o biotipo e os hábitos da mulher influenciam diretamente na aparência de sua barriga de gestante. 

Mulheres que sempre foram muito magras, podem aparentar barrigas maiores enquanto mulheres que têm os músculos mais definidos podem apresentar barrigas menores.

- Continua Depois da Publicidade -

Além das questões ligadas ao biotipo, existem outros fatores que influenciam no tamanho da barriga de grávida e que não necessariamente estão ligados ao tamanho do bebê.

O mais óbvio deles é quando a futura mamãe está esperando gêmeos ou múltiplos bebês. Como são duas ou mais crianças se desenvolvendo no útero, é claro que a tendência é que a barriga fique maior. 

Outro fator que pode culminar em uma barriga mais proeminente é o excesso de líquido amniótico, que também ocupa bastante volume.

A posição do bebê também interfere

A posição do bebê também pode aumentar o tamanho da barriga, por exemplo, quando ele está muito acima da pelve e fica sentado. 

Mulheres que já tiveram uma gravidez anterior geralmente têm os músculos abdominais mais flexíveis, o que também pode ser uma razão para uma barriga maior. 

Se você acha que sua barriga está maior do que o previsto para o seu tempo de gravidez,  pode ser que seus cáculos estejam errados e você está grávida há mais tempo do que imagina.

Nesse caso, o acompanhamento com o médico e o exame de ultrassom podem ajudar a corrigir a data de previsão do nascimento do bebê.

Mas também existem os casos em que a barriga da gestante fica muito grande porque realmente o bebê está crescendo muito.

Isso pode acontecer por questões puramente hereditárias e é totalmente saudável ter um bebezão nesses casos. 

Mas o bebê também pode crescer mais do que o esperado em razão de problemas como diabetes gestacional. 

Não necessariamente isso afetará a saúde dele, mas é preciso fazer o acompanhamento com o médico. 

Também existem os casos em que a barriga de grávida aparenta um tamanho menor do que o comum. 

Como vimos, isso pode ocorrer simplesmente em razão do tipo físico e não representar problema algum. Mas muitas futuras mães ficam preocupadas com a possibilidade de o bebê não estar se desenvolvendo como deveria.

E isso realmente pode acontecer, por exemplo, nos casos em que a gestante faz uso constante de bebidas alcoólicas ou drogas ou quando ela está desnutrida.

Nesses casos, o estado do bebê é o que mais importa, pois pode prejudicar seu desenvolvimento.

Em todas as situações, é claro que o acompanhamento do obstetra é fundamental, além dos exames de ultrassonografia com maior ou menor frequência. 

Para fechar este artigo, precisamos dizer que o tamanho da barriga por si só não indica o estado de saúde ou o nível de crescimento do bebê.

Então, não compare o tamanho da sua barriga com o da sua amiga sem levar em consideração as especificidades do corpo de cada uma de vocês. 

Para acompanhar o crescimento e desenvolvimento do seu bebê, o mais importante é fazer o pré-natal e relatar qualquer preocupação ao seu médico. 

Agora que você já sabe quando a barriga começa a aparecer, conte para a gente nos comentários sobre a sua experiência. Vamos adorar saber se sua barriga já está aparecendo. Até o próximo post!

 

 

 

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Leia Também

O que é o método BLw

Método BLW: O que é e como fazer?

0
Se o seu bebê está prestes a completar seis meses de idade e só se alimenta com o leite materno, está chegando o momento...
Desenvolvimento da 11º semana de gestação

Desenvolvimento da gravidez:11ª semana de gestação

0
O fim do terceiro trimestre se aproxima e hoje é dia de falar sobre a 11ª semana de gestação em nossa série sobre o desenvolvimento...

Oii mamãe, voce deseja receber nossas novidades em seu email?