InícioMaternidadeMala da maternidade: o que levar?

Mala da maternidade: o que levar?

-

Preparar a mala da maternidade pode ser uma das atividades mais prazerosas do período de gestação. Muitas futuras mães pensam nisso desde o dia em que descobrem que estão grávidas, mas você sabe o que realmente deve ser colocado nessa mala?

Algumas gestantes colocam pouquíssimas coisas na mala da maternidade, porque planejam ficar o menor tempo possível no hospital  e querem levar seu bebê para casa o quanto antes

Já outras preferem colocar muitas coisas na mala para garantir que não vai faltar nada para o bebê e também para que ele tenha várias opções de roupinhas para escolher.

A ansiedade é normal, mas mantenha a calma

Muitas vezes, o encantamento natural existente em relação aos acessórios e às roupinhas de bebê faz com que as gestantes se esqueçam de si próprias. 

Elas também precisam levar vários itens em sua própria mala de maternidade, mas às vezes essa lista em segundo plano. 

Além disso, existem outros itens que não vão dentro da mala que não se pode esquecer no dia do parto.

É normal ficar cheia de dúvidas neste momento, ainda que não seja o seu primeiro parto. Mas cada tarefa de preparação para o nascimento do seu bebê deve ser prazerosa.

Por isso, pense sempre em estratégias de controle da ansiedade e mantenha-se calma. Aqui no blog, vamos postar vários conteúdos que vão te ajudar nesse período.

E, se agora sua principal dúvida é a mala da maternidade, a leitura deste artigo vai resolver a questão.

Nos próximos tópicos, vamos tirar suas principais dúvidas com relação ao quantitativo de cada item a ser colocado na mala da maternidade e quando começar a prepará-la. 

Além disso, vamos esclarecer quais são os demais itens que não podem ser esquecidos, como os documentos e o bebê conforto. 

É claro que também vamos listar os itens que não podem faltar na mala da mamãe e na mala do bebê.

Então, fique atenta aos próximos tópicos para fazer uma mala perfeita para o dia da chegada do seu bebê.

Principais dúvidas sobre a preparação da mala da maternidade

Você está pensando sobre a organização da mala da maternidade e, antes mesmo de começar a prepará-la, surgiram várias dúvidas? Vamos esclarecer as principais delas a seguir. 

Quando devo começar a arrumar a mala da maternidade?

A mala maternidade não pode ser preparada na última hora. Se você estiver prestes a ter o bebê, certamente vai arrumar a mala de forma apressada e vai esquecer diversos itens importantes.

- Continua Depois da Publicidade -

Por outro lado, também não é preciso deixar a mala pronta logo no início da gravidez, até porque você ainda não vai ter comprado muitas coisas.

Você precisa de um tempo para preparar o enxoval do seu bebê e decidir o que ele vai usar na maternidade.

É por isso que recomendamos a preparação da mala da maternidade a partir da 32ª semana de gestação.

Nesse período, você já teve tempo de comprar vários itens para o bebê e pode escolher o que vai ficar mais bonito e confortável nele quando estiver na maternidade.

Além disso, mesmo que você compre muitas roupinhas logo no início da gestação, fazer a mala com antecedência excessiva não é uma boa ideia porque você ainda não tem a noção exata sobre a previsão do tempo e as roupas podem ficar amassadas e com aquele “cheirinho de guardadas”. 

Esses são os motivos para você também não preparar sua própria mala com tanta antecedência. 

A partir da 32ª semana, o parto já está relativamente próximo e, caso aconteça algum imprevisto e o bebê chegue antes do esperado, você já estará com tudo preparado. 

Quantas trocas de roupa do bebê são necessárias?

Nossa sugestão é que você coloque na mala da maternidade em média quatro trocas de roupa para o bebê. 

Por mais que o seu desejo seja ter um parto normal e permanecer na maternidade de um a dois dias, nosso conselho é que você esteja preparada para uma cesária.

É claro que o ideal é que tudo aconteça de acordo com os seus planos, mas não custa nada ter um plano B.

E, no caso da cesária, geralmente é necessário permanecer na maternidade de dois a três dias, um pouquinho mais do que ocorre quando o parto é normal.

Por essa razão é que sugerimos quatro trocas de roupa para o bebê. Ele terá uma roupinha para cada dia e mais uma reserva.

Caso aconteça algum imprevisto e o bebê precise de mais de uma roupinha por dia, o pai ou algum familiar poderá buscar mais uma troca de roupa em sua casa.

Haverá tempo para isso depois que a agitação do dia do parto passar. Então, não precisa exagerar na quantidade de roupinhas na hora de montar a mala da maternidade.

Uma mala muito cheia, além de mais pesada, pode dificultar a hora de trocar o bebê diante de tantos itens. 

Quantas fraldas são necessárias?

- Continua Depois da Publicidade -

Antes de falar sobre o quantitativo de fraldas a serem colocadas na mala do bebê, é importante lembrar que algumas maternidades oferecem as fraldas durante o período de internação.

Você deve verificar com antecedência se esse é o caso do local onde o seu bebê vai nascer. 

Mas mesmo que a maternidade ofereça essa comodidade, talvez você prefira levar as próprias fraldas, porque gosta de uma marca específica ou apenas por precaução. 

Então, vamos ao cálculo da quantidade: o bebê vai precisar de uma média de seis a oito fraldas por dia de internação. 

Mesmo que o previsto seja ficar na maternidade de um a dois dias, é importante se previnir. Portanto considere pelo menos três dias de internação.

Sendo assim, é preciso colocar na mala da maternidade entre 18 e 24 fraldas. 

E quanto à mala da maternidade para a mãe?

Prepare a mala da mamãe no mesmo período em que a mala do bebê, se preferir. Escolha itens confortáveis, como camisolas fáceis de vestir e um par de chinelos ou pantufas.

Lembre-se de que as roupas devem facilitar a amamentação e deixar tanto a mãe quanto o bebê confortáveis. 

Lave tanto as suas roupas que serão levadas para a maternidade quanto as roupas do bebê com sabão neutro, pois os cheiros mais fortes podem causar alergias e irritações na pele dele. 

Não se esqueça da roupa que você vai usar no dia de sair da maternidade e também dos itens de higiene pessoal.

Para que todos os itens importantes estejam tanto na sua mala quanto na mala do bebê, nos próximos tópicos, você vai encontrar os dois checklists completos. 

Itens para a mala da maternidade do bebê

Veja abaixo a lista com os principais itens a serem colocados na mala da maternidade para o bebê.

  • 4 bodies de manga comprida (caso a previsão do tempo seja de muito calor, coloque dois de manga curta e dois de manga comprida);
  • 4 calças/mijão/culote;
  • 2 casaquinhos;
  • 4 macacões de recém-nascido;
  • 6 fraldas de pano;
  • 4 toalhinhas de boca;
  • 4 sapatinhos de lã ou algodão;
  • 2 luvinhas de lã ou algodão (caso a previsão do tempo seja de muito frio);
  • 2 toucas (caso a previsão do tempo seja de muito frio);
  • 2 lençóis de berço;
  • 2 mantas (escolha o material e a espessura conforme a estação e a previsão do tempo);
  • 1 escovinha macia de cabelo;
  • 18 fraldas descartáveis (ou um pouco mais);
  • 1 creme de prevenção para assaduras;
  • 1 vidro de álcool 70%;
  • 1 sabonete líquido para bebês;
  • 1 pacote de hastes flexíveis (cotonetes);
  • 1 pacote de lenços umedecidos;
  • 1 saquinho para roupas sujas;
  • 1 chupeta (opcional).

Algumas dicas extras

É muito importante escolher as roupinhas da mala maternidade de acordo com a  previsão do tempo.

A tendência é que as mães escolham sempre roupinhas de frio, na intenção de manter o bebê protegido aconteça o que acontecer.

Mas o conforto dele também é muito importante e, se ele vai nascer em uma cidade de clima muito quente, as roupinhas devem ser mais leves.

- Continua Depois da Publicidade -

Outra dica importante é levar roupinhas de recém-nascido para a maternidade. Mesmo que o bebê nasça pesando um pouco mais do que a média, ele ainda será um recém-nascido.

Pode ser que você acredite que as roupas mais larguinhas o deixarão confortável, mas pode ocorrer o contrário.

Então, para o seu bebê ficar lindo nas fotos e confortável com suas roupinhas, priorize as roupas de recém-nascido.

Por fim, mais uma dica que vai facilitar a sua estadia na maternidade: separe cada troca de roupas em saquinhos, assim você ou quem for trocar o bebê não precisará procurar itens avulsos na mala da maternidade. 

Itens para a mala da maternidade da mãe

Vamos enumerar agora os itens que você não pode esquecer de colocar em sua própria mala da maternidade, para ter uma estadia confortável com o seu bebê.

  • 4 camisolas que sejam confortáveis para a amamentação;
  • 8 calcinhas de cintura alta;
  • 4 sutiãs para amamentação;
  • 1 troca de roupas para o dia da saída da maternidade;
  • 1 cinta pós-parto;
  • 1 robe ou roupão;
  • 1 pacote de absorventes próprio para o pós-parto;
  • 1 par de chinelos ou pantufas
  • Protetores de seios;
  • 1 Escova de dente;
  • 1 Escova de cabelo;
  • 1 tubo de creme dental;
  • 1 toalha;
  • 1 sabonete;
  • 1 shampoo (opcional);
  • 1 condicionador (opcional);
  • Câmera fotográfica.

Esolha suas roupas também de acordo com a previsão do tempo, é claro. Este é um fator que você deve ficar de olho nas semanas que antecedem o parto.

Por fim escolha seus itens de higiene pessoal conforme sua preferência, mas evite os cheiros fortes, para não causar alergias no bebê.

Outros itens para levar

Feitas as malas do bebê e da mãe, é hora de pensar em outros itens que não podem ser esquecidos, a começar pelos documentos.

Deixe-os separados junto com a mala da maternidade para não correr o risco de esquecer. Veja a lista abaixo:

  • RG da gestante;
  • RG do acompanhante;
  • Cartão do convênio;
  • Cartão do pré-natal;
  • Guia de internação (algumas maternidades oferecem previamente este guia para que ele já esteja preenchido no momento da internação. Isso pode agilizar o processo).

Outra coisa que não pode ser esquecida é o bebê-conforto, que deve ser testado antes do dia do parto, para não haver nenhum imprevisto quanto à instalação.

Itens opcionais, mas que muitas gestantes gostam de levar para a maternidade são as lembrancinhas e um enfeite de porta.

Além disso, se o seu bebê for uma menina, você pode levar alguma tiara ou lacinho. 

Mas lembre-se sempre de que caso algum item extra seja necessário, você poderá pedir para alguém buscar.  

Então, não se preocupe tanto em arrumar uma mala que atenda 100% das necessidades do bebê e também das suas. Os imprevistos sempre podem acontecer.

Pode, por exemplo, fazer calor, mesmo que a previsão do tempo seja de frio e alguns itens precisarão ser trocados ou adaptados.

Enfim, o importante é que preparar a mala da maternidade seja uma tarefa agradável e tranquila e que o seu bebê chegue se sentindo bem-vindo e amado. 

Caso você tenha alguma outra dúvida sobre a preparação da mala da maternidade, coloque aqui nos comentários. Ficaremos muito felizes em ajudar.  

 

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Leia Também

O que é o método BLw

Método BLW: O que é e como fazer?

0
Se o seu bebê está prestes a completar seis meses de idade e só se alimenta com o leite materno, está chegando o momento...
Desenvolvimento da 11º semana de gestação

Desenvolvimento da gravidez:11ª semana de gestação

0
O fim do terceiro trimestre se aproxima e hoje é dia de falar sobre a 11ª semana de gestação em nossa série sobre o desenvolvimento...

Oii mamãe, voce deseja receber nossas novidades em seu email?